Portal Grupo SITCOR  

Sitcor Logo

Bem-vindos ao Portal Grupo SITCOR


Lançamento do livro: "Gestão de Qualidade em Terapia Intensiva"

Neste mês de Março será lançado pela editora Abril o livro "Gestão de Qualidade em Terapia Intensiva - Normas e Processos". Organizado pelo Dr. Firmino Haag Junior, o livro engloba os principais tópicos para a implementação, gestão e organização de unidades de terapia intensiva segundo os mais atuais princípios de qualidade e gestão médico-hospitalar.

Check-Up

Pensando em fazer um Check-Up? Assista ao video e saiba mais sobre a importância da realização de um Check-Up e descubra se está na hora procurar um especialista. Interessado em fazer um Check-Up mas não sabe onde? Entre em contato com nossa equipe e agende uma consulta.

Saiba o que fazer para diminuir os altos índices de mau colesterol

São Paulo - O colesterol é um tipo de gordura que existe no corpo humano e é essencial para a vida. O colesterol é produzido pelo fígado. O médico do Hospital das Clínicas e do Sírio Libanês, José Marcondes, livre docente de endocrinologia, explica que ele é produzido ou ingerido pelo organismo e tem a função importante de fazer parte da composição de alguns hormônios e da estrutura das células. Um "defeito" nessa produção aumenta riscos de derrame e enfarte.

"Existem dois tipos de colesterol. O LDL (Low Density Lipoprotein), que é chamado de colesterol ruim, e o HDL (High Density Lipoprotein), o colesterol bom", explica Firmino Haag Ferreira Júnior, especialista em cardiologia pela Sociedade Brasileira de Cardiologia, especialista em Terapia Intensiva pela Sociedade Brasileira de Medicina Intensiva e em Clínica Médica pela Sociedade Brasileira de Clínica Médica, além de médico cardiologista do Hospital São Luiz Morumbi, em São Paulo.

O colesterol é produzido pelo fígado. Quando ele apresenta um defeito no controle de produção, a pessoa fabrica o colesterol independente do que come. "Ele sai do fígado ligado às proteínas sob a forma de LDL e vai se depositar nas paredes dos vasos. O HDL faz a retirada do colesterol", diz Marcondes.

Quem tem altos índices de colesterol não apresenta sintomas. O problema é que, na medida em que o LDL vai se acumulando nas artérias, diminui o fluxo de sangue para os órgãos provocando má circulação (aterosclerose), derrame e enfarte. "É uma doença silenciosa. Por isso é importante, a partir dos 40 anos, fazer uma avaliação para saber como estão os índices de colesterol, triglicérides, glicemia e ácido úrico. Já as pessoas que têm histórico familiar devem realizá-lo semestralmente", aconselha Ferreira Júnior.

Prevenção

Para controlar o colesterol é preciso fazer exercícios físicos com freqüência, ter uma alimentação balanceada, rica em fibras, frutas, verduras, legumes, realizar exames periodicamente e se for, indicado pelo médico, tomar estatinas, o medicamento recomendado para diminuir os índices de LDL. Os exercícios ajudam a aumentar o colesterol bom, impedindo o risco de entupimento das artérias pelo colesterol ruim. Já o cigarro, associado ao colesterol, aumenta ainda mais o risco de doenças coronárias.

Fonte: Uol

SAIR ANDANDO POR AÍ É GRÁTIS, NÃO EXIGE ALTOS TREINAMENTOS E PODE FAZER MUITO POR VOCÊ. UMA CAMINHADA DE TRINTA MINUTOS MELHORA O HUMOR E QUEIMA ATÉ 1.000 CALORIAS

Deixar a vida sedentária de lado pode ser mais fácil do que você imagina. Não é preciso, necessariamente, comprar roupas para ginástica, matricular-se na ioga, na natação ou reservar duas horas do seu dia para malhar. Calçar os tênis, colocar o iPod no ouvido e sair para uma caminhada já é suficiente para colocar o corpo em movimento.

POR QUE CAMINHAR?

De acordo com a Academia Americana de Medicina Desportiva, andar é a melhor atividade física a ser praticada. Pelo seguinte: sair dando passos por aí não requer treinamento, qualquer um pode fazer e, ora, basta usar os pés. “Trinta minutos de caminhada já apresentam benefícios. É melhor do que não fazer nada”, diz Ronaldo Martinelli, responsável pelo programa BioRunning da Academia Bio Ritmo.

“A pessoa pode, inclusive, caminhar dez minutos de manhã, outros dez no período da tarde e mais dez à noite”, aconselha Firmino Haag Ferreira Júnior, cardiologista e médico intensivista do Hospital São Luiz, em São Paulo.

DEIXE O CARRO DE LADO

Quer ver como é fácil aproveitar esse tempo? Mora perto do trabalho? Então troque o carro pela caminhada. Em Nova York é comum algumas mulheres levarem saltos altos em sacolas e ir de tênis até o trabalho para aproveitar o trajeto e praticar o exercício.

O elevador também pode ser trocado por alguns lances de escada. Deixe o carro na garagem e caminhe até a farmácia, padaria ou supermercado. Para que ser mais uma no trânsito e se estressar? “Mesmo que seja uma distância curta, há um gasto calórico. Assim, é possível melhorar os níveis de gordura no sangue e não correr o risco de elas se acumularem. Isso evitará um infarto no futuro”, diz Firmino Haag Ferreira Júnior.

GASTOS CALÓRICOS

Uma caminhada de trinta minutos queima de 500 a 1.000 calorias. E traz benefícios ao sistema cardiovascular porque quem caminha diminui os riscos de problemas causados por obesidade e sedentarismo – como cardiopatias, diabetes, hipertensão e fraturas ósseas. Além disso, melhora a capacidade respiratória e o fortalecimento muscular. “Na atividade física liberamos muitas substâncias endógenas, entre elas a adrenalina. Elas diminuem a sobrecarga sobre o músculo cardíaco e reduzem o impacto no coração. Isso controla a pressão arterial”, diz o médico.

Dê um chega pra lá no sedentarismo e na preguiça, ponha seus tênis e vá com fé pelas ruas, atrás de uma vida mais saudável. E o último toque do dr. Firmino Haag: “A expectativa é sempre manter a atividade física. Então os exercícios devem ser periódicos, e não esporádicos”.

Fonte: Gloss